Filho de ex-global acusa pai de deserdá-lo e de arrepender-se de adoção

2
1333
Cid Moreira. Foto: Divulgação.

O filho adotivo do ex-apresentador do Jornal Nacional Cid Moreira, acusou o ex-global de tê-lo deserdado. Roger Felipe Moreira deu esta declaração à jornalista Fabíola Reipert, do programa “Balanço Geral”.

Roger diz que recebeu um documento escrito pelo pai dizendo que o filho não consta mais em seu testamento.

No texto do suposto documento que Cid Moreira teria enviado para Roger está escrito o seguinte trecho: “Você continua sendo meu filho adotivo porque não consegui reverter a adoção (…). Eu fiz um documento e deserdei você. Escrevi de próprio punho e assinei. Juntei pareceres de profissionais da saúde para provar que não estou senil. Foi um engano te adotar. Fico feliz em saber que você está sendo capaz de se manter“.

O filho adotivo é sobrinho da ex-mulher de Cid Moreira. Ele contou que começou a conviver com Cid Moreira aos 14 anos, em 1991, tendo sido adotado aos 20. A convivência começou a ter problemas quando Roger começou um relacionamento amoroso.

Roger e o pai. Foto: Divulgação.

Com 28 anos, conheci uma pessoa que foi o meu primeiro amor. Comuniquei querer viver minha vida e fazer coisas que eu não acostumava fazer. Minha vida era de dedicação 24 horas ao Cid”, contou o filho.

A partir daí, as coisas começaram a mudar“, disse ele. Roger afirmou que pretende entrar na Justiça do Trabalho contra o pai, já que o ajudava em seus trabalhos de locução. “Tudo foi retirado. Vamos dizer assim, tudo me foi retirado. Até o apartamento onde eu morava que foi me dado, foi retirado, o estúdio que ele fez para mim, que era uma coisa paro meu futuro, para eu ter um rendimento“, disse.

2 COMMENTS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here