Com 150 leitos parados no hospital modular, governador e prefeito fecham Nova Iguaçu até a Páscoa

0
93
Foto: Reprodução do Facebook.

O Prefeito Rogerio Lisboa publicou na tarde desta quinta-feira (25/03) um decreto que promove um lockdown na cidade de Nova Iguaçu até o domingo de Páscoa (04/04). Com o ato, Lisboa regulamentou o fechamento da atividade econômica na cidade no período, demonstrando que vai usar a força pública para impedir empresários e trabalhadores de buscar seu sustento.

A medida causou indignação na cidade, já que a justificativa para o lockdown é a pandemia de COVID-19 e a alta ocupação de leitos no Hospital da Posse, porém existem 150 leitos prontos no hospital modular situado no antigo aeroclube que permanecessem sem uso.

O governador Claudio Castro, que apesar de ter ensaiado ir contra o lockdown, cedeu às pressões políticas, não promoveu nenhum esforço para antecipar a inauguração do hospital modular, que é estadual e ajudaria para diminuir a pressão sobre o sistema de saúde. A inauguração segue prometida para o dia 15 de abril.

Comerciantes, trabalhadores autônomos e ambulantes já pressionam o prefeito Rogerio Lisboa para que não cogite prorrogar o lockdown além do dia 04/04 com a desculpa de aguardar a inauguração do hospital modular. Eles prometem protestos durante a semana que vem contra o prefeito que alegam ser traidor e inimigo de quem trabalha.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here