Presidente do STF proíbe funcionamento de igreja

0
898
Foto: EBC.

O Presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, suspendeu decisão do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco que autorizara um pastor a presidir cultos presenciais durante o período em que o arbítrio do governador Paulo Câmara restringiu as liberdades naquele estado.

Segundo Fux, que não é cristão, o decreto do governador teria “fundamentação idônea, relacionada à necessidade de contenção da circulação do novo coronavírus ante à elevada taxa de ocupação dos leitos de UTI existentes no Estado”.

Confira aqui a decisão de Fux na íntegra.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here