Pela primeira vez na história, MDB não quer ser governo

0
641
O velho PMDB adotou novamente a velha sigla MDB.

Há mais de trinta anos os brasileiros observam, indignados, a adesão do PMDB (hoje, MDB) a todo e qualquer governo. O velho partido fisiológico e corrupto sempre aderiu a todos os presidentes, independente de orientações programáticas.

Porém, algo aconteceu e o MDB não quer mais ser governo e ainda quer punir seus filiados que eventualmente aceitem convites de Jair Bolsonaro.

Nos últimos dias, corre em Brasília a notícia de que uma ala do MDB buscava espaço na reforma ministerial que está sendo planejada por Bolsonaro. Diante disso, a direção do velho partido reagiu e publicou a seguinte nota no Twitter:

“O MDB informa que qualquer filiado ao partido que aceitar Ministério deste governo será convidado a se retirar da sigla. Essa é a posição oficial do MDB.”

Como o Governo Bolsonaro não oferece ministério com grande orçamento nem estatais a partidos, o presidente nacional do MDB, deputado Baleia Rossi, tem defendido a postura de independência.

O partido estaria trabalhando por uma terceira via para 2022. Mas no final das contas vai acabar no colo do PT, onde a roubalheira é garantida.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here