O fim de uma era em Israel

0
305
Foto: EBC.

O Estado de Israel escreveu neste domingo a última página de uma era. Líder israelense há mais tempo no poder, o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu viu uma coalizão adversária derrotá-lo neste domingo (13/06).

Com 60 votos a favor contra 59, o Parlamento do israelense aprovou a formação de uma coalizão sem o Likud, partido de Netanyahu.

O novo primeiro-ministro, Naftali Bennett, declarou que o novo governo representará “todos os israelenses”.

“Tenho orgulho da habilidade de sentar em conjunto com pessoas que têm visões muito diferentes da minha. Chegou a hora de líderes diferentes, de todas as partes da população, darem um fim nessa loucura.”

A nova coalizão que encerrou a Era Netanyahu é bastante heterogênea. Nela estão desde o centrista Yair Lapid até o conservador Naftali Bennett e, ainda, um partido que representa os árabes-israelenses, a Lista Árabe Unida.

Após à derrota, Netanyahu declarou que seguirá na política como opositor ao novo governo e que retornará ao poder o mais breve possível.

Disse o agora ex-primeiro-ministro: “Se o nosso destino é estar na oposição, faremos isso de cabeça erguida, derrubaremos esse mau governo e voltaremos a liderar o país à nossa maneira (…) Voltaremos logo!”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here