Monumento a Pedro Álvares Cabral é vandalizado no Rio

0
849
Foto: Reprodução do Twitter.

O monumento ao Descobrimento do Brasil, localizado no largo da Glória, no Rio, foi incendiado e vandalizado na madrugada de ontem (24/08).

O monumento é formado por um pedestal de granito e a estátua de bronze de Pedro Álvares Cabral, Pero Vaz de Caminha e do frei Henrique de Coimbra, celebrante da primeira missa do Brasil.

As imagens do vandalismo circulam nas redes, e um perfil do Twitter, @urucumirim, reivindicou a autoria do crime, afirmando ser um protesto contra o Marco Temporal, que deve ser julgado pelo STF a partir de hoje. A ação defende que povos indígenas só podem reivindicar terras onde já estavam em 5 de outubro de 1988, data em que a atual Constituição entrou em vigor.

A obra é de autoria do famoso escultor Rodolfo Bernardelli e foi inaugurada em 1900, ocasião em que se completaram 400 anos da chegada de Cabral ao Brasil.

De acordo com a Secretaria Municipal de Conservação, os danos causados pelo fogo estão sendo avaliados, e um boletim de ocorrência foi aberto para que a Polícia Civil investigue o caso.

Em julho, outro grupo de vândalos cometeu o crime de incendiar a estátua do Borba Gato na capital paulista.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here