Suspeito de matar enteado, vereador do Rio é preso

3
1204
Foto: Câmara do Rio.

Polícia cumpre na manhã desta quinta-feira (08/04) mandado de prisão temporária contra o vereador carioca Dr. Jairinho (Solidariedade). A polícia afirma que ele matou seu enteado Henry Borel, de 4 anos, em 8 de março.

A esposa de Jairinho, mãe do menino, também foi presa. Segundo a polícia, ela sabia do assassinato e tinha consciência de que seu companheiro agredia a criança com chutes e golpes na cabeça desde, pelo menos, o mês de fevereiro.

Henry Borel, enteado de Dr. Jairinho. Foto: Reprodução da Internet.

O casal também é suspeito de atrapalhar as investigações e de ameaçar testemunhas para combinar versões.

Os mandados foram expedidos ontem (07/04) pelo Segundo Tribunal do Júri da Comarca da Capital. A prisão é temporária, por 30 dias.

3 COMMENTS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here