Brasil avança e porte de armas dobra em três anos

0
584
Foto: Reprodução da Internet.

O quantitativo de armas registradas na Polícia Federal passou de 637 mil, em 2017, para 1,2 milhão, em 2020. O avanço não é apenas no número de portes, mas também um aumento do arsenal.

O presidente Jair Bolsonaro editou decreto que autoriza a compra de quatro armas de fogo por pessoa, permitindo que mais armas entrassem em circulação.

Os dados são do Anuário Brasileiro de Segurança Pública divulgado nesta quinta-feira (15/07).

O número de indivíduos que solicitaram registros para atuarem como caçadores, atiradores desportivos e colecionadores (o chamado CAC) ao Exército Brasileiro subiu 43,3% em um ano: de 200,1 mil pessoas, em 2019, para 286,9 mil, em 2020. 

O número de registros aumentou no Brasil todo, mas em algumas regiões o aumento maior que a média nacional. Onze unidades tiveram aumento superior aos 100% desde 2017, como o Distrito Federal, que saltou de 35.693 registros para 236.296 em 2020, um aumento de 562%.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here