Bolsonaro ainda negocia filiação com algumas legendas

0
1107
Foto: Divulgação/PR.

O Presidente Jair Bolsonaro ainda não fechou questão sobre sua filiação em um partido para concorrer à reeleição no ano que vem. O prazo vai até março de 2022 para decidir.

Bolsonaro já foi convidado mais de uma vez para ir para o PP de Ciro Nogueira, mas há resistência em alguns estados importantes para o partido, sobretudo no Nordeste, onde há lideranças que são ligadas ao ex-presidente Lula. As conversas com esse partido estão paralisadas.

O PL também já convidou Bolsonaro, mas possibilidade dessa filiação é pequena, já que o deputado Marcelo Ramos, vice-presidente da Câmara e filiado ao partido, é hoje um dos principais opositores de Bolsonaro.

No Republicanos, a hipótese está fora de debate. E no PSL, a possível fusão com o DEM também afasta as chances de Bolsonaro voltar ao partido pelo qual foi eleito.

As negociações com o Patriota esfriaram devido à judicialização da tentativa da família Bolsonaro de assumir o controle da sigla. Flávio Bolsonaro segue filiado ao Patriota, mas deve sair em breve, quando seu pai tomar alguma decisão.

Os três partido que seguem conversando mais ativamente com a família Bolsonaro são PTB,  PRTB e PMB. No PTB de Roberto Jefferson, as portas estão totalmente abertas. No PRTB do falecido Levy Fidelix e atual partido de Hamilton Mourão, algumas reuniões sobre o assunto estão marcadas para os próximos dias. Já no PMB, a presidente Suêd Haidar disse que “ainda temos muito a conversar”, mas não há informações sobre negociações recentes.

A dificuldade de Bolsonaro para decidir seu futuro partidário deve-se às dificuldades criadas pelo TSE, comandado por Luís Roberto Barroso, para a criação do “Aliança pelo Brasil”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here